FC Porto e profissionais do CHTS em jogo solidário pela prevenção do cancro da próstata

O Serviço de Urologia do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) entrou em campo, na passada sexta-feira, 22 de novembro, para um frente-a-frente com veteranos do Futebol Clube do Porto (FCP), entre os quais Rui Barros, Frasco e Jaime Pacheco. A partida, um jogo de futsal solidário, pretendeu alertar para a necessidade de prevenção do cancro da próstata.

No pavilhão Fernanda Ribeiro, em Penafiel, ao intervalo o placard assinalava 4-1 a favor dos azuis e brancos, conseguindo a equipa de Urologia reduzir a desvantagem na segunda parte do jogo.

O resultado final foi 6-4, com os golos de Paulo Moreira, Cintra, Bock e um hat-trick de Rui Barros a dar a vitória ao FCP.

Pela Urologia marcaram Rui Sousa e Sérgio Garcia, 1 golo cada um, e Paulo Araújo que acertou por duas vezes na baliza do adversário.

Os dragões, neste jogo, foram superiores, mas o melhor resultado foi mesmo a contribuição para a iniciativa Novembro Azul, um movimento mundial que pretende aumentar a consciencialização para a prevenção do cancro da próstata, incentivando e encorajando os homens para a consulta médica, realização de exames regulares, autoexame e tratamento.

Assistiram ao jogo cerca de 300 pessoas, 200 adultos e 100 crianças, e os fundos angariados com as entradas reverteram a favor da Sociedade Portuguesa de Andrologia.

O Serviço de Urologia do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) entrou em campo, na passada sexta-feira, 22 de novembro, para um frente-a-frente com veteranos do Futebol Clube do Porto (FCP), entre os quais Rui Barros, Frasco e Jaime Pacheco. A partida, um jogo de futsal solidário, pretendeu alertar para a necessidade de prevenção do cancro da próstata.
Partilhar: