Endocrinologia do CHTS premiada em Congresso da SPEDM

No âmbito do Congresso Português de Endocrinologia 2020 da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo (SPEDM), realizado de 23 a 26 de janeiro, em Coimbra, foi atribuída uma Menção Honrosa do Prémio de Investigação Clínica ao Serviço de Endocrinologia do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS).


First trimester fasting glucose and glycated haemoglobin cut-offs associated with abnormal glucose homeastasis in the post-partum reclassification in women with hyperglycemia in pregancy” de Catarina Chaves e outros autores, foi o trabalho distinguido e no qual foram avaliados dados do Registo Nacional de Diabetes e Gravidez.

O trabalho, realizado no âmbito da Consulta Multidisciplinar de Patologia Endócrina e Gravidez, da qual é responsável Ana Morgado do Serviço de Ginecologia e Obstetrícia do CHTS, reflete o impacto dos níveis de glicemia em jejum e da hemoglobina glicosilada na reavaliação do metabolismo da glicose no pós-parto em mulheres com Diabetes Gestacional, esclarecendo, assim, quais as mulheres que, com maior probabilidade, poderão manter alterações no metabolismo da glicose após o parto.

No âmbito do Congresso Português de Endocrinologia 2020 da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo (SPEDM), realizado de 23 a 26 de janeiro, em Coimbra, foi atribuída uma Menção Honrosa do Prémio de Investigação Clínica ao Serviço de Endocrinologia do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS).
Partilhar: