CHTS recebeu equipamento oferecido pela Irmandade do Clérigos

O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) recebeu hoje, 5 de setembro, 12 monitores de sinais vitais que vão permitir uma melhor prestação de cuidados aos nossos utentes.

A oferta deste equipamento, no valor de cerca de 15.000 euros, foi feita pela Irmandade dos Clérigos através da iniciativa ‘Torre Solidária’ e refere-se a um processo já atribuído há algum tempo atrás, mas que só agora ficou finalmente concluído.

A iniciativa ‘Torre Solidária’ compreende várias ações de solidariedade através das quais a Irmandade dos Clérigos atribui, a diferentes instituições, a receita de bilheteira da Torre dos Clérigos.

Carlos Alberto, presidente do Conselho de Administração do CHTS, salientou que “estas são as boas notícias de que todos nós gostamos, são boas notícias para doentes e profissionais e mostram o carácter solidário desta iniciativa”.

Os monitores de sinais vitais são aparelhos eletrónicos que registam e mostram os sinais vitais dos doentes, tais como frequência cardíaca, pulso, frequência respiratória, pressão arterial e saturação de oxigénio.

CHTS recebeu equipamento oferecido pela Irmandade do Clérigos
Partilhar: