Internamento

Não sabe quais são os procedimentos de internamento? Consulte as informações que reunimos para si, esclareça as suas questões.

Parabéns, aproxima-se um momento especial e único!

Mãe e Bebé: O que levar para a maternidade

A mala para a maternidade deve estar pronta a partir das 35/36 semanas de gravidez. É importante que a mala seja pequena e prática e, para a ajudar neste momento tão importante, preparámos uma lista, para si e para o bebé, com algumas orientações que lhe podem ser úteis.

Para o bebé:

  • Roupa interior de algodão
  • Roupa exterior
  • Gorro
  • Fraldas descartáveis
  • Fraldas de tecido
  • Manta
  • Toalhas de banho
  • Produtos de higiene

Para a mãe:

  • Produtos de higiene pessoal
  • Camisas com abertura e manga curta
  • Robe
  • Toalhas de banho
  • Chinelos de quarto e de banho
  • Soutiens de amamentação
  • Cuecas descartáveis ou de algodão
  • Pensos higiénicos
  • Discos absorventes
  • Roupa confortável para o dia da alta
  • Saco para a roupa suja

Não esquecer:

  • Boletim de Saúde da Grávida
  • Cartão do Cidadão
  • Análises e exames

Não trazer:

  • Objectos de valor
  • Unhas com verniz ou verniz gel

O que deve trazer e o que não deve trazer

  • Para seu conforto, pode trazer consigo objetos de uso e higiene pessoal, tais como: pijama, roupão, chinelos, pente, sabonete, escova de dentes, etc. Também pode trazer revistas, jornais ou livros.
  • Deve trazer consigo a lista da medicação que esteja eventualmente a fazer.
  • Evite trazer objetos de valor, pois o Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) não se responsabilizará por eventuais perdas ou danos. Entregue-os aos seus familiares no momento da admissão ao internamento.
  • Não deverá trazer alimentos, a alimentação é fornecida pelo CHTS de acordo com as recomendações ou eventual dieta prescrita pela equipa de saúde.
  • Salvo algumas exceções, poderá trazer água engarrafada para ter sempre à sua cabeceira.

Informações Clínicas

Na admissão ao internamento, será informado do horário de atendimento do respetivo Serviço de internamento. Nesse horário, poderão ser obtidas informações junto do médico assistente.

A sua estadia

Depois da admissão ao internamento, vai ficar ao cuidado dos profissionais de saúde do Serviço de internamento correspondente:

  • Siga as instruções do médico e do enfermeiro no que diz respeito à dieta, ao repouso e à terapêutica.
  • Junto da sua cama existe uma campainha para chamar quem o possa ajudar. Utilize-a sempre que necessário.
  • Na enfermaria, tem ao seu dispor um armário onde pode colocar os seus objetos pessoais.
  • No período da manhã, será feita a limpeza do seu quarto.

Vai partilhar a enfermaria, por isso, procure não perturbar o repouso e recuperação dos outros utentes:

  • Fale num tom moderado e aconselhe as suas visitas a manterem o mesmo comportamento.
  • Caso tenha trazido equipamentos audiovisuais como, por exemplo, computador portátil ou tablet, mantenha o volume baixo, utilize auriculares e respeite os períodos noturnos quando a iluminação dos quartos é reduzida.

Atenção: a utilização de telemóveis é permitida apenas em alguns serviços, sendo que a sua utilização não pode colidir com o descanso dos outros utentes.

As refeições

Caso não exista impedimento, todas as refeições são servidas no refeitório do respetivo Serviço:

Pequeno-almoço: 08h30
Almoço: 12h30
Lanche: 16h00
Jantar: 18h00
Ceia: 22h00

Podem ser servidos reforços durante a manhã e a noite de acordo com as dietas definidas.

Lembre-se que a dieta prescrita pelo seu médico contribui para a sua recuperação e por isso deve ser respeitada.

Não peça às suas visitas para lhe trazerem comida do exterior sem falar primeiro com o enfermeiro.

Alta Clínica

Sempre que possível, a data e hora da sua alta clínica será comunicada com antecedência a si e ao acompanhante designado por si. Nessa altura, todas as indicações e recomendações vão ser dadas pelo corpo clínico.

O secretariado do Serviço de internamento irá entregar-lhe a nota de alta.

O utente é informado da data, via postal ou telefonicamente, pelo Serviço onde vai ser internado. Ao chegar ao Hospital, deverá entrar pela porta principal, dirigindo-se ao balcão de informações de onde será encaminhado até ao respetivo Serviço.

O utente é informado da data do internamento via postal ou telefonicamente. Ao chegar ao Hospital, deverá entrar pela porta principal, dirigindo-se ao balcão que se encontra no átrio da entrada e daí será encaminhado para o internamento.