Hospital de Amarante

Hospital de Amarante, inaugurado a 29 de abril de 2013.

Hospital de Amarante, inaugurado a 29 de abril de 2013.

O Hospital de Amarante substituiu o Hospital de São Gonçalo e está instalado na freguesia de Telões, junto à Variante do Tâmega, e equipado com a tecnologia mais avançada, o Hospital de Amarante é a concretização de um novo modelo hospitalar centrado no doente: o hospital de proximidade.

Com um investimento total que ronda os 30 milhões de euros, o novo hospital foi custeado em 52 % por fundos comunitários no âmbito do QREN e os restantes pelo Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa.

Hospital de São Gonçalo de Amarante, edifício da Santa Casa da Misericórdia de Amarante cuja fundação reporta ao início do séc. XVI, inaugurado a 19 de novembro de 1961, tendo este derivado da adaptação e ampliação de um antigo quartel de Artilharia.

Hospital de São Gonçalo de Amarante, edifício da Santa Casa da Misericórdia de Amarante, inaugurado a 19 de novembro de 1961.

A sua fundação reporta ao início do séc. XVI, não se conhecendo, contudo, a data precisa, pois o fogo, aquando das invasões napoleónicas à então Vila de Amarante, destruiu a grande maioria da documentação arquivada na Misericórdia, entidade que o administrava. No entanto e por documentação existente no arquivo histórico da Misericórdia do Porto, sabe-se de referências à Misericórdia de Amarante datadas de 1530, fazendo crer que a sua fundação seja anterior a esse ano. Passando por vários locais da cidade, o Hospital acaba por se fixar no edifício situado no Largo Sertório de Carvalho, inaugurado a 19 de Novembro de 1961, tendo este derivado da adaptação e ampliação de um antigo quartel de Artilharia, mantendo a sua denominação como Hospital de São Gonçalo de Amarante.